86 3131-1300
Teresina, 20 de Abril de 2014
 
Publicada Segunda-feira, 24/06/2013
Passe Livre pedirá tarifa zero em encontro com Dilma
O Movimento Passe Livre (MPL) publicou uma carta aberta declarando-se “surpreso” com o convite feito pela presidente Dilma Rousseff para uma reunião em Brasília, às 14h desta segunda-feira, 24.
O documento será entregue pelos ativistas no encontro no Palácio do Planalto e defende a tarifa zero, a municipalização da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (CIDE) e mais verbas do governo federal aos municípios para que sejam adotadas políticas de priorização do transporte público em todo o País. Eles afirmaram ser contra a desoneração de impostos.


“Gostaríamos de conhecer o posicionamento da presidente sobre a tarifa zero no transporte público e sobre a PEC 90/2011, que inclui o transporte no rol dos direitos sociais do artigo 6º da Constituição Federal”, diz a carta, divulgada no site do MPL.

Para atingir esses objetivos, o MPL se posicionou, no texto, contra desoneração de impostos no setor privado. “Abrir mão de tributos significa perder o poder sobre o dinheiro público, liberando verbas às cegas para as máfias dos transportes, sem qualquer transparência e controle.”

Segundo a carta, a presidente Dilma estaria também surpresa com o resultado dos atos promovidos pelo movimento. “Essa reunião com a presidenta foi arrancada pela força das ruas, que avançou sobre bombas, balas e prisões”, afirma o texto.

O grupo enfatiza a repressão e violência por parte do Estado contra ativistas e jornalistas e cobra “ a desmilitarização da polícia” e uma “política nacional de regulamentação do armamento menos letal”.

Fonte: O Estadão

 
Centro de Apoio a mulher comerciaria
CONTRACS
Contribuicao Sindical
Contribuicao Social e Federativa
Convencoes
CUT BRASIL
CUT PIAUÍ
FUNAE
MST
Portaria
Video Institucional
 
lista
16.04.2014 Empresa se nega a contratar deficientes e pagará R$ 200 mil de dano moral coletivo
16.04.2014 Grampo da Dilma viola Segurança Nacional
15.04.2014 Estabilidade vale mesmo com pedido após nascimento do bebê
14.04.2014 Governo vai combater ação de criminosos no Minha Casa, Minha Vida
14.04.2014 Restrição ao trabalho aos domingos e feriados
10.04.2014 Pedido de demissão não comprovado é convertido em dispensa sem justa causa
09.04.2014 Empregadores pagarão multa por não assinar carteira de doméstico
08.04.2014 'Só uma constituinte exclusiva pode fazer a reforma política', diz Lula.
08.04.2014 Maior salário define cálculo de aposentadoria
07.04.2014 Empresa de cosméticos é multada por revista íntima
07.04.2014 Receita começa a pagar restituição do IR 2014 em 16 de junho
07.04.2014 Consumidor do Brasil está mais confiante no mercado de trabalho
07.04.2014 FGTS: Ministério Público Federal defende correção pela inflação
04.04.2014 Empresa é condenada a pagar diferenças reflexas decorrentes da integração de salário pago por fora
03.04.2014 ANTT divulga regras para ônibus interestaduais e internacionais
03.04.2014 Empresa é condenada a pagar salários após cessão de auxílio doença, o caso foi discutido em ação na justiça Federal
02.04.2014 Contribuição previdenciária não se aplica a aviso-prévio
02.04.2014 Um ano após emenda, domésticas seguem sem todos os direitos
01.04.2014 Categoria aprova minuta proposta em assembleia
31.03.2014 Rede varejista é condenada por ter repassado valor inferior da contribuição previdenciária
31.03.2014 Reajuste de remédios começa a valer nesta segunda-feira
31.03.2014 Em 47% das empresas brasileiras não há mulheres em cargos de liderança
SINDCOM - Sindicato dos Empregados no Comercio e Serviço de Teresina
Rua David Caldas, 536
sindicatocomerciariothe@hotmail.com - 86 3131-1300